Poesia

Rabiscos…3

Fernando tem uma máquina de escrever.
Uma máquina barulhenta,
mas seu som penetra nas pessoas
de um jeito que...
... acalma.
Ele escreve o que vê, 
o que ouve
e o que houve.
Ele registra as pessoas
e o que elas fazem:
Ele apenas registra a vida.
(SESC Pompéia)

Tina Chaves
Apenas mais um ponto de convergência
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s